Partido pirata

Agosto 6, 2006 at 9:59 pm 6 comentários

Li na PC Magazine sobre a existência do Partido Pirata na Suécia.

Segue desprezada pela mídia em geral a estranha situação na Suécia, onde um partido político e uma organização de lobby apareceram com o propósito único de derrotar a leva atual de leis de patentes e direitos autorais, e criar algo mais moderno e realista: o Partido Pirata e o Lobby Pró-Pirataria. Esse movimento, apesar de dificilmente ter qualquer efeito nos EUA, pode mudar as coisas tão dramaticamente nas democracias parlamentares que fará com que todos sintam o efeito de qualquer modo.(…)

Em um sistema parlamentar, um grupo como o Partido Pirata, que irá rapidamente superar o Partido Verde sueco, não precisa ganhar uma maioria parlamentar para ser efetivo. Em sistemas multipartidários (ao contrário dos EUA), você precisa fazer alianças para governar, e vários tipos de negociações são feitas para que qualquer coisa se torne realidade. E eu suspeito que muitos dos velhos políticos estão cansados de serem manipulados pelos monopólios de propriedade intelectual dos EUA e adorariam apoiar o Partido Pirata com a desculpa de que “foi preciso”.

Piratas do mundo inteiro, uni-vos!

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

Defesa de tese de doutorado Artigos publicados no exterior

6 comentários Add your own

  • 1. Karol Pacheco  |  Agosto 20, 2006 às 8:50 pm

    Túlio, adorei o artigo!!!!!

    Responder
  • 2. Karol Pacheco  |  Agosto 20, 2006 às 8:51 pm

    ***********
    Movimento “Viva Pirataria”…
    das duas uma..
    1 – maior acessibilidade para todas as classes
    2 – pirataria..

    Se uma não deu..a outra…….rs

    Responder
  • 3. Karol Pacheco  |  Agosto 20, 2006 às 8:52 pm

    ** onde o acho na íntegra?

    Responder
  • 4. Julio  |  Agosto 22, 2006 às 11:05 am

    Prezado Tulio,

    Conheci esse movimento quando do fechamento do “Pirates Bay”, entretanto é dificil de acreditar que todo esforço de criação de software, audio e video possa se converter em um modelo “livre” como unica solução para se livrar das obrigações muitas vezes impostas pelas gravadoras e/ou grandes distribuidoras de software. Uma ideia intermediária, que contemple uma remuneração justa aos criadores deveria ser pensada.

    Responder
  • 5. Capitão Gancho  |  Setembro 3, 2006 às 9:52 pm

    Uma sociedade diferente também deveria ser pensada.

    Responder
  • 6. Laiane  |  Setembro 4, 2006 às 12:32 am

    Bem, acho exagerada a idéia desse partido, mas por outro lado, é interessante tornar esse movimento mais forte , principalmente aqui!

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed



%d bloggers like this: